quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Apagão do Timão

Ronaldo volta a marcar

O Timão foi ao Paraná enfrentar o Atlético PR na Arena em busca da liderança do campeonato. Mas o Fluminense jogando no Rio conseguiu uma grande vitória sobre o Ceará por 3 a 1, acabando com as chances do Corinthians de virar líder do Campeonato Brasileiro.

Portanto o Timão tinha que vencer de qualquer forma o Furacão para seguir na cola do Tricolor Carioca, mas o que se viu hoje a noite em Coritiba não foi tão animador quanto as ultimas apresentações da equipe.

Jogando um futebol simples, o Timão parou na forte marcação do Atlético e não conseguiu fazer grandes jogadas na Arena da Baixada. Ronaldo começou jogando hoje, ainda fora de forma o camisa 9 não fez muita coisa com a bola no pé, mas foi decisivo no primeiro gol do jogo. Ele recebeu na ponta esquerda, trouxe a bola para o pé direito e encheu o pé, a bola bate no calcanhar de Wagner Diniz e bate em seu braço direito. O juiz não pensou duas vezes e marcou um pênalti estranho para o Timão. Ronaldo que não estava muito a fim de discutir se o pênalti existiu ou não foi para a cobrança e fez o dele.

O jogo não foi bom, foi chato, sem graça uma pena para o bom público em Coritiba. No final quem novamente decidiu foi o juiz do jogo que novamente marca um pênalti dessa vez para o Furacão. Esse pênalti foi uma vergonha tremenda para a arbitragem dessa partida.

Enfim, Bruno Mineiro cobrou com categoria e fez o gol de empate do rubro negro.

O Timão com um jogo a menos perde a chance de continuar no calcanhar do Fluminense, já o Furacão sobe bem na tabela e para na sétima colocação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário